As principais festas da Espanha!

As principais festas da Espanha!

A Espanha é também sede de alguns dos maiores festivais e festas do mundo. Realizados, em sua maioria, durante os meses de verão ou em datas comemorativas, eles atraem não apenas espanhóis e europeus, mas visitantes de todas as partes.

Com intuito de fazer você conhecer melhor alguns dos eventos mais tradicionais do país, preparamos para você um texto contendo as 5 festas mais tradicionais de toda Espanha.

5- Las Fallas

Esse curioso festival acontece no mês de março, na cidade de Valência. O festival do fogo é uma experiência imperdível – durante a celebração, esse elemento está por todos os lados, até mesmo na decoração das ruas. Durante o ano, os moradores de Valência constroem belíssimas esculturas de madeira, algumas de proporções gigantescas, para, entre os dias 15 e 20 de março… queimá-las até não restar nada!

As comemorações acontecem sempre no centro da cidade (e os visitantes podem ajudar a colocar fogo em tudo). Uma visão para guardar por toda a vida.

4- Sant Joan

No dia 24 de julho, se você estiver em Barcelona, aproveite para participar das comemorações do dia de Sant Joan, ou San Juan. Apesar de acontecer em várias cidades espanholas, a festa de Barcelona merece destaque pela grandiosidade.

O feriado tem origem pagã e é um dos mais celebrados na Europa. Durante a festa, há manifestações de dança e música, além de muita bebida. Também é permitido dormir nas praias de Barcelona apenas nesse dia.

A principal atração são as explosões de fogos organizadas pelas próprias cidades e seus moradores. É preciso estar atento para evitar acidentes, pois o controle das demonstrações praticamente não existe.

As comemorações variam um pouco de cidade para cidade. Em Menorca, por exemplo, as estrelas da festa são os cavaleiros que participam de paradas e jogos. Uma opção um pouco mais familiar.

3- Cabalgata de los Reyes Magos

Realizada desde 1885, essa é a cavalgada mais antiga da Espanha. No domingo anterior ao dia 6 de janeiro (dia em que os reis magos presentearam o Menino Jesus), as crianças da cidade de Alcoy, vestidas de pastoras, desfilam com pequenos rebanhos para homenagear Jesus. As cavalgadas chamadas “les Pastoretes” duram até o dia 4, quando um emissário anuncia a chegada dos reis magos. O emissário vai acompanhado de pequenos burros com carroças, os “Burretes”, que levam as cartas das crianças para Baltasar, Gastar e Belchior.

Mas é no anoitecer do dia 5 de janeiro o momento que todos esperam. Moradores caracterizados como os três reis magos chegam à cidade de Alcoy montados em camelos carregados de presentes. Eles passeiam pelas ruas da cidade seguindo os tocheiros que iluminam o caminho, enquanto os pais entregam os presentes aos seus filhos em suas casas. Tudo, claro, ao som de músicas tradicionais natalinas.

A entrega de presentes no dia 6 de janeiro é um costume comum pelo mundo e acontecem também em países como o México e Itália.

2- San Fermín

San Fermín é uma das Ferias mais fortes na Espanha e tem como principal centro a cidade de Pamplona. Todos os anos, milhares de turistas se juntam aos moradores em tradicionais trajes brancos e vermelhos para as festividades, que começam no dia 6 de julho. No dia 8 acontece a tradicional corrida com touros. Os animais são soltos pelas ruas da cidade e seguidos por centenas de pessoas até a Plaza de Toros.

A corrida, que dura apenas oito minutos em média, percorre uma distância de mais de 800 metros e acontece até o dia 14 de julho, todos os dias. Os corredores têm também o costume de homenagear San Fermín cantando diante de uma imagem que fica na Cuesta de Santo Domingo.

Há ainda o desfile de bonecos gigantes, concertos, exibições de dança, entre outras atividades animadas durante as festas de San Fermín. O encerramento acontece à meia-noite do dia 14 de julho, quando todos se reúnem na Plaza del Ayuntamiento e cantam a canção típica “Pobre de Mi”, para se despedir das festas.

1- Semana Santa

A Semana Santa acontece depois da Las Fallas e é celebrada também em toda a Espanha, especialmente no sul. Durante a Páscoa, são realizadas procissões que homenageiam a morte e a ressurreição de Jesus Cristo. Apesar do caráter fortemente religioso, as festividades são uma atração imperdível para todos os moradores e visitantes, compartilhando ou não a mesma crença.

Na Semana Santa, as cidades confeccionam os carpetes de flores, chamados “alfombras”, que marcam o caminho das procissões. Além das comemorações nas ruas, os espanhóis costumam ir às “Cabanas”, festas com direito a muita música, dança, bebidas e comidas típicas.

A Semana Santa das cidades de Sevilha e Granada são as maiores do país. Em Sevilha, são cerca de 60 procissões, com 50 mil participantes, a maioria vestida de nazarenos. Muitas das procissões entoam canções flamencas tradicionais à capela, uma cena realmente emocionante.

Em Granada, os moradores enfeitam a cidade com símbolos religiosos. Na quarta-feira santa acontece a procissão de Cristo e dos ciganos, enfeitada por fogueiras acesas pela região. Na quinta, a procissão “Cristo de Silencio” passa pela cidade, embalada apenas pelo som do tambor. Há ainda encenações com personagens bíblicos e homenagens feitas pelas crianças.